*Campanha: BRT Salvador 2024 – PUP

Prefeitura lança cartilha para garantir acessibilidade e direitos das pessoas com deficiência


Com o objetivo de efetivar e garantir os direitos das pessoas com deficiência e das pessoas com mobilidade reduzida, a Secretaria de Promoção Social, Combate à Pobreza, Esportes e Lazer (Sempre), lança a cartilha ' Acessibilidade - Convivendo com a Diversidade Humana’. A ação representa um instrumento para orientar o atendimento e a prestação de serviços públicos por servidores da Prefeitura. Por meio de linguagem simples, didática e ilustrativa, a cartilha objetiva facilitar o entendimento dos conceitos, das normas e dos principais direitos da pessoa com deficiência.

"A Sempre tem, dentre suas diversas missões, articular, acompanhar, propor e executar políticas públicas voltadas à inclusão social da pessoa com deficiência em Salvador. E essa cartilha chega como mais um instrumento técnico para orientar os gestores e servidores do município, na certeza de serem observadas as normas técnicas que garantam a acessibilidade. Permitindo que os direitos constitucionalmente assegurados às pessoas com deficiência e às pessoas com mobilidade reduzida se consolidem, fazendo-se respeitar o princípio da dignidade de todas as pessoa", frisou o secretário da pasta, Júnior Magalhães.

Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, 24% da população brasileira, aproximadamente 46 milhões de pessoas, têm algum tipo de deficiência, de acordo com o último Censo (2010) do IBGE. No país, a deficiência com maior incidência é a visual (18,60%), seguida pela física (7%), auditiva (5,10%), e intelectual (1,40%). Pessoas com deficiências múltiplas representam 23,90%. Ainda de acordo com o IBGE, em Salvador, 26,3% da população possui algum tipo de deficiência.

Magalhães destaca que saber diferenciar os tipos de deficiência, suas peculiaridades e dificuldades no espaço público é de extrema importância. "De forma a lidar com elas da melhor forma possível no seu espaço de trabalho com paciência, clareza, recursos, comunicação adequada é um pressuposto mais do que necessário para a uma sociedade inclusiva e acessível em devemos começar no ambiente de trabalho", observou, arrematando que essa cartilha será distribuída por todas as secretarias do Executivo municipal.

Confira as deficiências e como lidar com elas:

Deficiência Intelectual
• Fale de maneira clara e sucinta;
• Repita as informações e assegure-se de que a pessoa entendeu;
• Certifique-se, ao entregar um documento com informações escritas, se houve a leitura dessas informações. Caso perceba insegurança, use da oralidade para explicar;
• Tenha paciência. Se precisar, use recursos de imagens e figuras do cotidiano;
• Não as ignore, cumprimente e despeça-se delas como você faria com qualquer pessoa;
• Dê atenção, converse e seja educado e gentil;
• Trate-as com respeito e de acordo com a sua idade. Se for uma criança, trate-a como criança. Se for adolescente, trate-a como adolescente. Se for uma pessoa adulta, trate-a como tal.

Deficiência Auditiva
• Verifique se a pessoa utiliza como comunicação a leitura labial ou Libras;
• Fale de frente para a pessoa, de maneira pausada;
• Certifique-se de que ela entendeu. Caso contrário, repita a informação;
• Tenha em seu celular aplicativos tradutores de Libras (alguns são gratuitos);
• Aprenda a se comunicar em Libras;
• Não altere o tom de voz;
• Respeite o uso de outra língua como forma de comunicação.

Deficiência Visual – Pessoas cegas e com baixa visão
• Identifique-se: se apresente antes de iniciar uma conversa;
• Peça permissão antes de ajudar: nem toda pessoa com deficiência visual precisa ou quer ajuda;
• Descreva os ambientes para que a pessoa tenha autonomia para se locomover e tenha orientação espacial. Diga onde estão portas, cadeiras, mesas, corredores, banheiros etc.
• Guie a pessoa, caso ela precise de ajuda para se locomover, nunca a puxe pelo braço, ofereça seu ombro ou braço, sempre do lado oposto que ela segura a bengala;
• Avise dos obstáculos que estão no decorrer do caminho;
• Não grite, não se dirija ao acompanhante da pessoa com DV, fale diretamente com ela, por último, avise quando for sair do ambiente;
• Para pessoas com baixa visão, use contrastes nos documentos (ex: letra preta em fundo branco, letra preta em fundo amarelo, letra azul-marinho em fundo laranja);
• Use letra Arial ou Verdana, com fonte de 16 até 24 em documentos.

Deficiência Física
• Se coloque na altura da pessoa, isso demonstra respeito;
• Tenha espaços acessíveis, rampas, banheiros e mesas adaptadas para cadeira de rodas;
• Espaço livre para que a pessoa tenha autonomia e possa movimentar a sua cadeira de rodas;
• Coloque cartazes e informações na altura ideal para que fique visível para a pessoa em cadeira de rodas;
• Nunca movimente a cadeira de rodas sem antes pedir permissão para a pessoa;
• Ao conduzir uma cadeira de rodas e parar para conversar com alguém, lembre-se de se posicionar ao lado da cadeira para que a pessoa também possa participar da conversa;
• Tenha cuidado ao conduzir uma pessoa em cadeira de rodas, faça-o com cuidado;
• Ao caminhar com uma pessoa com mobilidade reduzida, se posicione ao seu lado, nunca na sua frente;
• Observe os obstáculos arquitetônicos e veja se será preciso mudar o percurso.

Autiso - Transtorno do Espectro Autista (TEA)
• Algumas pessoas com TEA podem apresentar dificuldades de interação social. Compreenda e procure lidar com cada pessoa de acordo com as suas particularidades;
• Padrões comportamentais repetitivos;
• Seja gentil;
• Seja paciente;
• Seja compreensivo. Algumas pessoas com TEA podem precisar de mais tempo para responder questões que parecem simples, mas que podem causar desconforto para elas;
• Não fale alto. A pessoa com TEA escuta, embora em alguns momentos ela possa não manter contato visual;
• Forneça espaço quando for necessário;
• Peça autorização para pegar na pessoa com TEA;
• Tenha afeto e empatia;
• Aprenda sobre autismo.

Texto: Ascom/ Sempre

Postar um comentário

Please Select Embedded Mode To Show The Comment System.*

Postagem Anterior Próxima Postagem

*Campanha: BRT Salvador 2024 – PUP