*Campanha: BRT Salvador 2024 – PUP

Saúde convoca pais ou responsáveis para agendamento de bebês para vacinação Covid-19


Apesar dos esforços da Secretaria Municipal da Saúde (SMS) de Salvador para garantir o cadastramento e o agendamento de crianças de seis meses a menores de três anos com cormorbidades, para recebimento da vacina contra a Covid-19 a partir desta quinta-feira (1º), ainda não foi registrado nenhum agendamento deste público. Preocupado com esse cenário, o titular da SMS, Decio Martins, faz uma súplica para que os pais ou responsáveis realizem, o quanto antes, o agendamento das crianças nessa faixa etária.

“Conforme a recomendação do Ministério da Saúde (MS), empregamos todos os esforços no sentido de assegurar a estratégia de vacinação para essas crianças, contudo, os pais ou responsáveis precisam compreender a importância da vacina para seus filhos, e concretizarem o agendamento o mais rápido possível”, suplicou.

Ainda segundo Martins, o imunizante é a forma mais eficaz de proteção contra a Covid-19, de modo que se faz urgente o início da vacinação desse público. “Esperamos a compreensão dos pais ou responsáveis por quase 900 crianças com comodidades aptas ao recebimento para que realizem o procedimento”, apela.

Processo – Os pais e responsáveis pelos menores deverão fazer agendamento no vacinahoramarcada.saude.salvador.ba.gov.br e comparecer ao local e hora marcados, portando original e cópia do comprovante de residência, Cartão SUS e cartão de vacina da criança. Os atendimentos começam a partir de quinta-feira (1º) e serão oferecidas 260 vagas por dia, distribuídas em 13 unidades de saúde.

Quase 900 crianças, na faixa etária de 6 meses a 2 anos 11 meses e 29 dias, com comorbidades, já foram incluídas automaticamente no sistema, por já serem atendidas nas unidades de saúde do município, sendo o agendamento deste público também necessário, para ter acesso ao imunizante.

De acordo com nota técnica do Ministério da Saúde, o esquema de vacinação primário será composto de três doses. As duas doses iniciais devem ser administradas com quatro semanas de intervalo, seguidas por uma terceira dose, administrada pelo menos oito semanas após a segunda dose.

Cadastramento – Mesmo com o início da vacinação, a SMS dá continuidade ao cadastramento das crianças com comorbidades, com idade entre 6 meses e 2 anos de idade, para terem acesso à vacina contra a Covid-19. A lista continuará subsidiando a pasta no planejamento da imunização desse grupo, que será iniciada logo após a etapa do cadastramento, em data ainda a ser divulgada.

Postar um comentário

Please Select Embedded Mode To Show The Comment System.*

Postagem Anterior Próxima Postagem

*Campanha: BRT Salvador 2024 – PUP