*Campanha: BRT Salvador 2024 – PUP

Bike Salvador registra aumento de 50% na utilização das bicicletas




Foto: Jefferson Peixoto/ Secom

O Bike Salvador registrou um aumento de 50% no uso das bicicletas, de acordo com pesquisa realizada pelo Centro Brasileiro de Análise e Planejamento (Cebrap). A iniciativa da Prefeitura, através do Movimento Salvador Vai de Bike (MSVB), possui 50 estações e 400 bikes disponíveis para a população em diversos pontos da cidade e contempla mais de 160 mil pessoas. As ações de fomento ao uso da bike são lembradas neste mês, quando é comemorado o Dia Mundial sem Carro, em 22 de setembro.

O casal de aposentados Maria Auxiliadora Ribeiro, 64 anos, e Carlos Alberto Sufredinni, 65 anos, mora na Pituba e faz uso das “laranjinhas” todas às quintas-feiras, quando realizam o passeio de bike matinal, como parte da rotina de atividades físicas. Eles pegam as bicicletas na estação da Pituba e vão até o Centro de Convenções de Salvador (CCS), na altura da Boca do Rio, e devolvem os equipamentos bem perto de casa. “Nós adoramos, para gente é uma mão na roda. A gente até pensou em comprar bikes, mas desde a instalação das laranjinhas vimos que não tinha necessidade. Fizemos a assinatura e atende demais a nossa necessidade para os passeios e atividades físicas”, disse ela.

O Cebrap apontou a requalificação da orla, assim como a criação de ciclovias e calçadões como os principais agentes motivadores da ampliação do número de viagens. Com o uso das bikes por mais de 160 mil pessoas e a realização de mais de 660 mil viagens, uma média de 237 toneladas de CO² deixaram de ser lançadas no meio ambiente.

Em janeiro deste ano, a nutricionista Flávia Calazans, 44 anos, aprendeu a pedalar e adotou o ciclismo como prática esportiva diária. “Eu não sabia andar, morria de medo, mas sempre tive vontade. No começo do ano, peguei a laranjinha e foi a melhor descoberta da minha vida”, diz a usuária do Bike Salvador.

Todos os dias, a nutricionista faz uso da bike para se exercitar. “É a melhor atividade cardiorrespiratória e você também se diverte. É lazer e exercício, tudo junto. Sempre que posso estou de bicicleta”, afirma. Ela conta que no último domingo, por conta de um evento no Rio Vermelho, optou em sair da Pituba, onde mora, e ir ao local da festa de bicicleta. “Foi ótimo, rápido e não me chateie para estacionar. Para melhorar o deslocamento, ainda me deliciei com a brisa do mar”, disse a ciclista.

Mais ações – Além das 400 bicicletas do Bike Salvador, a capital baiana tem ainda 60 bicicletas do Sistema Bike Turista, instalado em 12 hotéis da cidade, englobando toda orla atlântica e mais o Centro Histórico.

O sistema cicloviário teve uma ampliação relevante nos últimos três anos, passando de 13 km, em 2013, para 100 km hoje. Porém, essa não foi a única iniciativa realizada pela gestão pública do município. Foi lançado em 2013 um projeto voltado apenas para as bicicletas, e de lá para cá o MSVB tem realizado centenas de ações que foram cruciais para a mudança cultural dos soteropolitanos em relação às bikes.

Passeios e eventos realizados rotineiramente e a incorporação da bicicleta no calendário de eventos da cidade se somam às ações de incentivo ao uso da bike. Cerca de 60 eventos por ano com a temática da bicicleta são realizados pela gestão pública, incluindo campanhas, fóruns e cursos de capacitação. Outra iniciativa é o projeto “Motorista Vá de Boa”, dedicado aos profissionais do transporte coletivo e de táxi, que promove uma nova consciência no trânsito, com respeito mútuo, gerando ainda mais confiança àqueles que pretendem pedalar na cidade.

Há ainda a instalação de ciclofaixas de lazer e turismo em pontos estratégicos da cidade aos domingos e feriados. Também em parceria com diversos coletivos de ciclistas, o Salvador Vai de Bike realiza semanalmente um programa de formação de ciclistas adultos. A iniciativa, além de formar novos usuários, também conscientiza quanto à conduta de segurança.

São realizados, semanalmente, em diferentes bairros da cidade, os Minicircuitos de Bike, ação importante de mobilização das crianças para uso da bicicleta. Além de uma opção a mais para o lazer das crianças, os meninos e meninas aprendem durante a ação ensinamentos sobre conduta de segurança e a conscientização para o melhor uso da bicicleta.

Postar um comentário

Please Select Embedded Mode To Show The Comment System.*

Postagem Anterior Próxima Postagem

*Campanha: BRT Salvador 2024 – PUP